Ação de combate ao despejo incorreto de lixo é intensificada na capital do Amapá

 

A Prefeitura de Macapá intensifica a ação de combate ao despejo incorreto de lixo nos bairros Santa Inês e Central. Ela é capitaneada pelas secretarias municipais de Manutenção Urbanística (Semur) e de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh), com a finalidade de notificar e orientar empresas sobre mal acondicionamento do lixo comercial; uso de papel picado nas áreas internas de lojas, que pode ser levado para as vias pelo vento e entupir a drenagem delas; e água servida, que é resultante de lavagem de roupas, louças e banhos.

 

O chefe de Fiscalização de Limpeza, Paulo César Costa, falou da preocupação do Munícipio sobre a destinação incorreta do lixo nessas áreas. “Essa é uma preocupação do prefeito Clécio, com os alagamentos e perda de material das lojas, em virtude do período de chuvas. Estamos fazendo a fiscalização e sensibilização para que os proprietários dos empreendimentos acondicionem melhor o lixo produzido, para que não fiquem espalhados na calçada e atrasar o serviço de coleta”.

 

Foram notificados nove empreendimentos, todos localizados na orla do Santa Inês, por descarte incorreto do lixo e obstrução da caixa de gordura. A Semur dispõe o Disk Denúncia 99147-1050, que também recebe mensagens de WhatsApp.

 

Cliver Campos

About the author

Related

WhatsApp chat