DaLua propõe contrapartida social dos clubes de futebol que receberem patrocínio institucional

07

 

 

 

 

 

 

 

O deputado estadual Pedro DaLua (PSC) protocolou nesta segunda-feira (5) o Projeto de Lei 022/18, que institui a Política Estadual de Fomento a Reestruturação dos Clubes de Futebol Profissional, denominada ?Somos Um pelo Esporte?. Trata-se de uma proposição no sentido de que a sociedade, especialmente o governo do Estado, a Federação de Futebol, os clubes, atletas, sindicatos e a Assembleia Legislativa, comprometem-se na construção de um novo cenário para o futebol e consequentemente para as comunidades do nosso estado.
DaLua defende que no lugar de uma relação paternalista e assistencialista, quanto ao patrocínio público estatal do futebol profissional, propõe-se um novo modelo baseado em contrapartidas e corresponsabilidades. Atualmente, não existem critérios estabelecidos na distribuição de patrocínios aos clubes amapaenses, além de não remunerar adequadamente o valor da marca e do que representam na sua comunidade de abrangência.
“Nossa proposição é de que a partir do momento em que os clubes receberem o apoio e o reconhecimento do estado da importância social destas entidades, os clubes como contrapartidas adotarão ações que beneficiarão suas próprias instituições bem como a comunidade em que estão inseridos como o resgate histórico cultural esportivo das instituições; a recuperação e investimento patrimonial; a implantação de modelos de gestão contemporânea no futebol; a criação, manutenção e a ampliação de atividades esportivas para crianças e adolescentes, propiciando a formação de atletas e a construção da cidadania; a implantação de Núcleos de Cultura Popular Esporte e lazer, com atividades variadas para crianças, adolescentes, adultos e terceira idade; a implantação do Planejamento Estratégico; e outras, de acordo com as condições que os clubes entenderem desenvolver”, explica.

AGÊNCIA DE NOTÍCIAS ? Alap
Texto: Gabinete Deputado Pedro DaLua

About the author

Related