Médicos que substituirão cubanos em Macapá apresentam-se à Semsa

 

Os médicos que irão substituir os cubanos no Programa Mais Médicos, do Governo Federal, se apresentaram à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), na quarta-feira, 28, para entregar a documentação necessária para a homologação do contrato. Foram contratados nove profissionais, dois trabalharão no Bailique, um em Tracajatuba, próximo a São Joaquim do Pacuí, e os demais na capital.

 

Os novos colaboradores receberam informações sobre a dinâmica de trabalho do programa nas unidades. “Estamos desejando boas-vindas aos profissionais e orientando para que eles atendam os pacientes com qualidade. Como acabaram de sair da universidade, tenho certeza de que irão contribuir para melhorar cada vez mais a nossa saúde, além de já terem uma boa visão sobre a metodologia da saúde na atenção básica”, ressaltou a secretária de Saúde, Silvana Vedovelli.

 

O médico amapaense Anderson Cambraia, formado na Universidade Federal do Amapá, destacou a importância da oportunidade. “Essa é uma maneira de devolver para a população, que direta ou indiretamente colaborou com a nossa formação, serviços de qualidade, sempre preocupados com os pacientes, colocando-os em primeiro lugar. Devemos responder bem as expectativas da comunidade local”, garantiu.

 

A nova equipe de médicos foi distribuída para trabalhar nas Unidades Básicas de Saúde Raimundo Hozanan (Muca), Álvaro Corrêa (São Lázaro), Cidade Nova, Pacoval, Pedrinhas e nos distritos do Bailique e Tracajatuba.

 

Cliver Campos

About the author

Related

WhatsApp chat