Morre segundo jovem baleado após ser confundido com assaltante em Macapá

Morre Ricardo Brito de Oliveira, de 21 anos, que foi atingido por policial civil na última sexta-feira, 6, que também atirou em outro jovem que morreu no local.

A situação de saúde do jovem Ricardo Brito, que foi baleado na noite de sexta-feira, 6, por um policial civil no bairro Jesus de Nazaré após ser confundido com um assaltante, era crítica. Ricardo levou três tiros e estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas Alberto Lima (HCAL). E faleceu por volta de 15h00 desta quarta-feira, 11.

Outro jovem que estava com Ricardo foi morto com dois tiros nas costas. Ronald William de Oliveira, de 21 anos, morreu no local da ocorrência. A proprietária do comércio também foi atingida de raspão.

O policial civil, que disparou os tiros, se suicidou quando percebeu o engano.

About the author

Comunicólogo e Jornalista por formação, Rádio-apaixonado e Social Media. 23 anos. Fazendo a segunda graduação na Universidade Federal do Amapá, acadêmico de Letras/Francês.

Related