Waldez Góes empossa cinco novos gestores na equipe de governo

Mudanças de comando fazem parte da estratégia política do Estado e ocorrem no IEF, Imap, GSI, SDC, Sete e Setec.Por: Andreza Teixeira

 Foto: Maksuel Martins / SecomCinco novos membros da equipe de governo foram empossados na manhã desta segunda-feira, no Palácio do Setentrião

Nesta segunda-feira, 7, o governador do Amapá, Waldez Góes, empossou novos gestores para as secretarias de Estado de Desenvolvimento de Cidades (SDC); de Trabalho e Empreendedorismo (Sete); de Ciência e Tecnologia (Setec); o Gabinete de Segurança Institucional (GSI); e os institutos estaduais de Florestas (IEF) e do Meio Ambiente e Ordenamento Territorial (Imap). A solenidade de posse aconteceu no Palácio do Setentrião e foi um dos primeiros atos de Waldez Góes durante seu quarto mandato como chefe do Poder Executivo estadual, iniciado em 1º de janeiro de 2019.

Com as modificações, o procurador de carreira Julhiano Avelar deixa a Procuradoria-Geral do Estado do Amapá (PGE/AP) e assume o cargo de diretor-presidente de dois órgãos: o IEF e o Imap, antes chefiados por Marcos Tenório e Edilene Ribeiro, respectivamente. O professor Rafael Pontes reassume o comando da Setec, da qual foi gestor entre 2017 e abril de 2018; ele substitui o professor Perseu Aparício. Já o tenente-coronel da Polícia Militar Cláudio Braga assume o comando do GSI no lugar do tenente-coronel Huelton Corrêa Medeiros.

A SDC passa a funcionar sob a administração do economista Antônio Teles Júnior que, no último mandato, foi titular da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan). Ele substitui o engenheiro João Henrique Pimentel. Já Karla Marcella Chesca assume a Sete no lugar de Maraína Martins, que reassume o mandato de vereadora de Macapá.

Durante a posse, Waldez Góes frisou que as modificações são estratégicas, pois visam cumprir os compromissos estabelecidos no projeto de governo para o mandato 2019-2022. “Nós temos a missão de fazer mais, de inovar, de aguçar a capacidade de gestão nas mais diversas áreas, sempre com retidão e transparência. Vamos travar uma força diária para cumprir estas responsabilidades. Cada pasta tem uma sinergia, uma comunicação, uma transversalidade decisiva no processo. O governo forma departamentos para se organizar, mas flui através da complementariedade”, registrou Waldez. Ele acrescentou que as mudanças continuarão acontecendo ao longo do mês de janeiro.

O governador lembrou que, entre as prioridades da gestão, está fortalecer o processo de desenvolvimento econômico do Amapá, gerando mais emprego e renda. Outro objetivo é controlar e qualificar os gastos públicos, racionalizando os recursos disponíveis, sem prejuízo na efetividade de serviços essenciais à população, através de medidas como a criação do Comitê de Controle e de Qualidade do Gasto Público. Ele anunciou que deve assinar, nos próximos dias, um decreto para abrir o orçamento público 2019, o documento estabelece metas e regras de execução orçamentária e financeira.

Compromissos

Em seu discurso, o novo diretor-presidente do IEF e do Imap ressaltou que seu objetivo é construir segurança jurídica e reestruturar os órgãos. Uma de suas prioridades é a regularização fundiária que, para Julhiano Avelar, é um dos passos mais importantes para fortalecer o desenvolvimento. Em dezembro de 2018, o Estado contratou o Exército Brasileiro (EB) para conduzir o trabalho de georreferenciamento, como parte do processo de transferência das terras da União para o Amapá.

“Nós temos uma demanda muito grande por desenvolvimento econômico no Amapá e, com a regularização fundiária, o acesso a empréstimos e a compra de maquinários, por exemplo, são facilitados. Outro ponto importante é a questão ambiental, tanto as licenças como a fiscalização, pois a obediência à legislação agrega valores aos produtos vendidos pelo Amapá”, disse Avelar.

Rafael Pontes reforçou que acredita no potencial da ciência e tecnologia do Amapá. Ele afirmou que a experiência anterior como titular da Setec lhe trouxe maior conhecimento sobre as responsabilidades que envolvem o setor. Para o gestor, investir na ciência e na tecnologia traz reflexos em outros setores como a economia e educação. “Temos a possibilidade de gerar renda e emprego, atrair indústrias e novos investidores para alavancar setores como o mineral e o agronegócio. Toda nossa capacidade material e humana é capaz de produzir ciência e tecnologia e de influenciar o desenvolvimento em nosso Estado”, completou.

Definir as atribuições do Estado e as dos Municípios é o principal objetivo de Teles Júnior na gestão da SDC, além de promover a infraestrutura de interligação entre os municípios e criar condições econômicas para que eles possam prosperar economicamente. “Precisamos interiorizar o desenvolvimento do Amapá para desafogar as cidades maiores e gerar um crescimento mais uniforme em nosso Estado. Temos que focar na qualidade de vida das cidades amapaenses”. Outro objetivo, afirmou Teles, é desenvolver uma estratégia para universalizar o saneamento básico até 2030.

Marcella Chesca destacou que um dos objetivos é continuar incentivando a atuação dos artesãos e dos empreendedores através de projetos de qualificação profissional, entre outras ações que visam oferecer oportunidades de emprego e renda à população amapaense.

Cláudio Baga destacou que pretende cumprir com dedicação e responsabilidade a função de chefe de gabinete do GSI, cuja finalidade é zelar pela segurança institucional do governo.

Perfis

Rafael Pontes é bacharel em Ciência da Computação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas); mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Federal do Amapá (Unifap) e doutor em Educação Matemática pela Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT). Ele é professor dos Cursos de Ciência da Computação e do Mestrado Profissional em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação da Unifap, instituição onde foi diretor de Tecnologia da Informação; pró-reitor de Extensão e Ações Comunitárias e coordenador da Rede Nacional de Pesquisa (RNP).

Julhiano Cesar Avelar é graduado em Ciências Jurídicas e pós-graduado em Processo Civil e em Direito Público e Ordem Constitucional. Atuou como assessor jurídico do Conselho Administrativo de Defesa Econômica, em 2005; Agência Nacional do Petróleo (ANP), em 2006; Advogado do GEAP – Plano de Saúde do Servidor Público Federal, em 2007; atuou na Rocha e Azevedo Advogados Associados, em 2008. Em 2010, foi chefe da Procuradoria de Assuntos Criminais da PGE/AP; foi ainda presidente da Associação dos Procuradores do Estado do Amapá, de 2009 a 2013; e presidente da Comissão da Advocacia Pública da OAB/AP, entre 2010 e 2013; pós-graduado em Processo Civil em 2016 pela Faculdade Damásio e Articulista do Jornal Diário do Amapá.

Antônio Teles Júnior é economista e mestre em finanças pela Universidade Cândido Mendes. Ele atuou na Agência de Desenvolvimento do Amapá (Adap) em 2009. Teles é membro efetivo do Conselho Regional de Economia e ainda é consultor do Sebrae, com atuação como professor em faculdades particulares. Atualmente também é pesquisador e professor da Universidade Federal do Amapá (Unifap).

O tenente-coronel Carlos Braga iniciou sua carreira no Centro de Preparação de Oficiais da Reserva do Exército Brasileiro (CPOR/Recife) e ingressou na Polícia Militar do Estado do Amapá (PM/AP). Entre suas atribuições, cumpriu a função institucional de ajudante de ordem do governador Waldez Góes entre 2004 e 2009. Em 2011, comandou o Centro de Formação e Aperfeiçoamento da PM/AP; também comandou o Batalhão de Policiamento de Trânsito (Bptran) e 6º Batalhão de Polícia Militar.

Marcella Chesca é acadêmica de odontologia. Já foi coordenadora estadual do Artesanato na Sete; ocupou cargos de diretora de Recursos Humanos na Prefeitura de Oiapoque, coordenadora técnica do Tribunal de Contas do Amapá (TCE/AP) e secretária parlamentar da Câmara dos Deputados.

Estiveram presentes na cerimônia o vice-governador, Jaime Nunes, o prefeito de Mazagão, Dudão Costa, entre outros representantes dos poderes Executivo e Legislativo, além da sociedade civil.GALERIA DE FOTOS

 Créditos:

Maksuel Martins / Secom

About the author

Related

WhatsApp chat