0
4

Vice-governador destaca importância da advocacia durante posse da nova diretoria da OABJaime Nunes participou da solenidade representando o Governo do Amapá considerando o significativo papel da instituição em defesa da justiça e democracia.Por: Fabiola Gomes

 Foto: Márcio Pinheiro/SecomVice-governador Jaime Nunes desejou à nova diretoria da OAB/AP sensibilidade, discernimento, firmeza e sabedoria

A nova diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Amapá (OAB/AP) para o triênio 2019-2021 foi empossada na noite desta segunda-feira, 14, no Teatro das Bacabeiras, em Macapá.  Em uma solenidade concorrida por autoridades do Executivo, Legislativo e Judiciário, advogados e familiares dos empossados, a nova diretoria tem para o próximo triênio, a meta de aproximar ainda mais a instituição dos advogados, além de potencializar as ações em prol da categoria.

À frente do novo mandato está o presidente, Auriney Brito. O advogado foi eleito com 1.019 votos na eleição que aconteceu em novembro do ano passado. Também foram empossados os advogados, Adivan dos Santos (diretor tesoureiro), Sinya Juarez (secretária-geral), Mauro Dias (secretário-geral adjunto) e Patrícia de Almeida Barbosa (vice-presidente).

Em seu pronunciamento, o vice-governador do Amapá, Jaime Nunes destacou o papel significativo da OAB na fiscalização das ações da advocacia, das tarefas em defesa da Justiça e da democracia. 

Em nome do Governo do Estado do Amapá, ele aproveitou a oportunidade, e desejou à nova diretoria sensibilidade, discernimento, firmeza e, acima de tudo, sabedoria para que tenham os melhores entendimentos para o bom andamento das atividades da instituição.

“Uma OAB sólida é um organismo importante ao exercício da advocacia e às prerrogativas dos advogados. A ação dos advogados é indispensável à concretização da justiça. E a Justiça deve ser um ideal coletivo, uma construção de todos nós”, afirmou o vice-governador.

Destaque na solenidade para o discurso emocionado da advogada e vice-presidente da OAB, Patrícia de Almeida, que falou da representatividade das mulheres advogadas do Amapá. Ela citou um percentual de mais de 40% de mulheres advogadas no quadro da OAB/AP. “Meu choro é de orgulho, falo por todas nós. Mulheres advogadas do Estado se sintam representadas neste ato de posse, iremos trabalhar incansavelmente”, agradeceu Patrícia.

O presidente da OAB, Auriney Brito destacou o momento de luta e união de sua equipe para manter a essência da instituição. “Todos os advogados e advogadas farão parte desta gestão. A palavra união será nosso marco, sempre com transparência e organização”, afirmou.

Encerrando o evento, o secretário-geral da OAB Nacional, Felipe Sarmento falou da luta por melhores condições para a atuação da advocacia amapaense, tornada ainda mais penosa pelos problemas de infraestrutura e pela limitada informatização.

“A OAB Amapá, embora jovem e pequena em comparação com suas irmãs, é a segunda Seccional que mais cresce no país; já ultrapassamos a marca de 3.400 inscritos, com grande parcela composta pela jovem advocacia”, evidenciou Sarmento.GALERIA DE FOTOS

 Créditos:

Márcio Pinheiro/Secom