Hemoap convoca voluntários para manter nível de sangue seguro – Correio Amapaense

Hemoap convoca voluntários para manter nível de sangue seguro

Estão sendo requisitados doadores especialmente os com tipos sanguíneos com fator RH negativo (A-, B-, AB- e O-) e AB+.
Foi disponibilizada uma linha telefônica – (96) 98811-0200 – para que os voluntários possam fazer o agendamento da doação de sangue por ligação ou WhatsApp.

Para manter o estoque de sangue em nível seguro, o Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap) está convocando voluntários para doação, especialmente os com tipos sanguíneos com fator RH negativo (A-, B-, AB- e O-) e AB+.

O reforço é necessário para que a queda das doações não prejudique o abastecimento de bolsas de sangue nos hospitais, a média, que anteriormente era de 70 doadores diários, caiu para menos de 30 doadores.

Desde o lançamento das ações de prevenção e enfrentamento ao coronavírus pelo Governo do Estado, o Hemoap adotou algumas medidas para garantir a segurança dos daodres.

Foi disponibilizada uma linha telefônica – (96) 98811-0200 – para que os voluntários possam fazer o agendamento da doação de sangue por ligação ou WhatsApp. Os agendamentos podem ser feitos de segunda a sexta-feira entre os horários de 8h e 10h30.

O estudante Diego Moraes, de 26 anos, é doador do Hemoap desde 2018. Ele foi um dos voluntários que marcou a doação através do número disponibilizado.

“Entrei em contato ontem e hoje já estou doando, foi tudo muito rápido e eficiente. Vim porque sei da dificuldade que está sendo para conseguir sangue. Eu estou saudável e resolvi doar, poder ajudar as pessoas é o que me motiva a continuar doando”, disse.

Segurança na doação

Para evitar infecção por coronavírus, o Hemoap adotou algumas medidas. A triagem dos doadores agora é feita na portaria da recepção para evitar aglomeração e reduzir o tempo de permanência. E ainda foi reforçada a higienização de portas, maçanetas e corrimões

Caso o doador apresente sinais de gripe ou resfriado, o voluntário deverá realizar a doação 14 dias após o desaparecimento dos sintomas. As pessoas que viajaram para fora do estado nos últimos 30 dias, estarão aptas para doação após um mês da data de chegada.

Os doadores que forem até o Hemoap devem se atentar para as seguintes orientações:

  • Não levar acompanhantes;
  • Reforçar as orientações de lavagem das mãos e higienização com álcool em gel ou sabão.

Por: Claudia Cavalcanti

 

 Foto: André Rodrigues

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION