Amapá conquista 16 medalhas nas Paralimpíadas Escolares 2018, em São Paulo

0
20
Foram 10 ouros, quatro pratas e dois bronzes; todos os competidores são atletas paraolímpicos que estudam na rede pública de ensino.

 Foto: Sedel
Alice Caroline, da Escola do Novo Saber (Tempo Integral) Professor José Firmo, garantiu dois ouros

Em dois dias de competição nas Paralimpíadas Escolares 2018, o Amapá faturou 16 medalhas, sendo 10 de ouro, quatro de prata e duas de bronze. Todos os competidores que garantiram as medalhas são estudantes da rede pública de ensino e tiveram as passagens aéreas custeadas pelo Governo do Amapá. Os jogos acontecem no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo, de 19 a 24 de novembro.

Competindo com atletas dos estados da Paraíba e Rio Grande do Sul, a amapaense Alice Caroline das Chagas Lobato conquistou o ouro no arremesso de peso. Deficiente visual, Alice estuda na Escola do Novo Saber (tempo integral) Professor José Firmo do Nascimento. Ela também garantiu o ouro no arremesso de disco.

Outro ouro foi o da corrida de 100m, garantido pela atleta paralímica Claudiane da Silva Melo, que possui deficiência intelectual. Ela estuda na Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Neusona.

A deficiência física de Jhonatan Victor Araújo Tourinho mostrou que ele é capaz de superar qualquer desafio. Jhonatan trouxe o ouro na natação (75m).

Outro deficiente físico, Lucas Thiago dos Santos, foi ouro no arremesso de peso e no arremesso de dardo. Ele é aluno da Escola Estadual Reinaldo Damasceno.

Mais um ouro no arremesso de peso e no arremesso de dardo, foi garantido pelo estudante Kaiki Renan da Costa Richene, que também é deficiente físico e estuda na Escola Estadual Irineu da Gama Paes.

No tênis de mesa individual, quem levou o ouro foi Alex Sandro Oliveira Souza, que também tem deficiência física e estuda na Escola Estadual Maria Meriam.

Já no tênis de mesa em dupla, Alex Sandro disputou ao lado de outro deficiente físico: Isaías Mateus Vilhena da Silva, da Escola Estadual Antônio Munhoz, inaugurada este ano pelo Governo do Amapá, no Conjunto Habitacional Macapaba. Nessa modalidade em dupla, eles foram prata.

Na competição de arremesso de pelota, o Amapá foi prata. Quem garantiu a medalha foi o deficiente físico, Felipe Gustavo Matos Castro, da Escola Estadual Castro Alves. Ele também disputou o arremesso de peso e conquistou o ouro.

Outras duas medalhas de prata quem conseguiu foi Natália Maciel Marques, que nasceu com nanismo. As modalidades que ela disputou foi arremesso de peso e arremesso de disco. Natália é aluna da Escola Estadual Antônio Lima Neto.

João Pedro Paes da Silva, da Escola Estadual Antônio Lima Neto, foi bronze no arremesso de dardo e bronze na corrida (75m). Ele também é deficiente físico.

GALERIA DE FOTOS
 Créditos:Sedel


Warning: require(/home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-content/plugins/td-standard-pack/Newspaper): failed to open stream: No such file or directory in /home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-includes/comment-template.php on line 1532

Fatal error: require(): Failed opening required '/home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-content/plugins/td-standard-pack/Newspaper/' (include_path='.:/usr/share/pear7:/usr/share/php7') in /home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-includes/comment-template.php on line 1532
Erro › WordPress

Há um erro crítico no seu site.

Aprenda mais sobre depuração no WordPress.