Amapá sedia pela terceira vez Encontro da Juventude LGBT Norte

0
13
Evento reúne jovens da Região Norte e representatividades de movimentos sociais nacionais para debater os direitos LGBT.
Por: Henrique Borges

 Foto: José Baía / Secom
Evento prossegue até o dia 22 de abril, no auditório da Universidade Estadual do Amapá (Ueap)

O Estado do Amapá sedia pela terceira vez o ENJUV: Encontro da Juventude LGBT | Norte, que está na terceira edição, e a I Mostra Científica de Estudos em Gênero e Diversidade, entre os dias 18 e 22 de abril, na Universidade Estadual do Amapá (Ueap). O evento traz como tema “O Protagonismo da Juventude LGBT: Em Defesa da Democracia e das Diversidades”.

O evento teve início na tarde dessa quarta-feira, 18, com lançamento do livro “Diversidade e o campo da educação: relatos de pesquisa (EDUNIFAP)”; mesa de debate sobre o tema “A política de fomento à pesquisa e a agenda de investigação em direitos humanos, gênero e sexualidade no Amapá”, roda de conversa com o presidente da UNALGBT, Andrey Lemos, e com outras representatividades dos movimentos nacionais.

Realizado pela Rede da Juventude LGBT | Lara Fabyan e pela União Nacional LGBT (UNALGBT), através de sua unidade no Amapá, o ENJUV conta com o apoio do Governo do Amapá, organizações dos movimentos LGBT e estudantil, e instituições de ensino superior.

O objetivo é debater o protagonismo da juventude na Amazônia e discutir a vivência de jovens LGBTs vindos do interior do Amapá e dos demais Estados da Região Norte do Brasil. Por conta disso, representantes nacionais dos grandes movimentos foram convidadas para engrandecer as discussões.

Para o presidente da UNALGBT, Andrey Lemos, o protagonismo do jovem é importante para a garantia dos direitos das minorias. “Vivemos um momento político muito delicado, as minorias sociais estão perdendo os espaços conquistados, e por conta disso, nós precisamos rearticular os movimentos sociais e envolver o povo brasileiro nas discussões importantes do país”, ressalta Lemos.

As ações foram pensadas com o intuito de reunir o público-alvo do encontro em atividades que possibilitem uma abordagem mais prática sobre assuntos como a saúde, direitos sociais e o lazer da juventude LGBT amazônica. Um grupo de jovens da Universidade de Brasília (UNB) veio ao Encontro para aplicar uma oficina sobre comunicação.

Raelma Paz, do Observatório da Saúde LGBT da UNB, explica qual a importância de trabalhar as mídias entre os jovens. “A ideia é que os participantes tenham ferramentas e técnicas para trabalhar a comunicação com informações sobre os direitos e sobre a saúde LGBT. O observatório nasceu da necessidade de acompanhar o que tem sido desenvolvido de políticas em todos os municípios”, reforça Raelma.

A programação conta com mesas de debate, rodas de conversas, minicursos, oficinas, atividades culturais e programações artísticas. Finalizando com a elaboração de uma carta de princípios e metas do III ENJUV para recomendações as gestões da Região Norte.

Serviço

Data: de 18 a 22 de abril de 2018

Local: Universidade Estadual do Amapá (Ueap)

Horário: a partir das 8h

Mais informações:

Bruno José Ribeiro – Coordenador da Rede de Juventude LGBT | Lara Fabyan

Telefone: 99185-7395

Renan Almeida – Representante da UNALGBT – Amapá

Telefone: 98118-6326

GALERIA DE FOTOS
 Créditos:José Baía / Secom