Caesa alerta moradores do Macapaba II e Jardim Açucena para assinatura de contrato

0
27
Beneficiários devem procurar atendimento diretamente na Companhia de Água e Esgoto para não ter o fornecimento do serviço suspenso.

 

 Foto: Arquivo/Secom
No Macapaba, 236 beneficiários ainda não fizeram o contrato de fornecimento de água

Os beneficiários do Conjunto Habitacional Macapaba II e Residencial Jardim Açucena que ainda não fizeram a assinatura de contrato para fornecimento de água devem ir ao o setor de cadastro da Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) para efetivar o serviço.

A Caesa identificou que em ambos empreendimentos habitacionais, 236 contemplados ainda não estabeleceram contrato, o que totaliza 472 pendências. A chefe do serviço de cadastro da Caesa, Marlúcia Dias, alerta para a obrigatoriedade do procedimento, cujo descumprimento pode acarretar na suspensão do fornecimento de água.

“Estamos contando com apoio da Secretaria de Estado de Inclusão e Mobilização Social e da Coordenadoria Municipal de Habitação para convocar estes usuários e conscientizá-los sobre a importância do serviço e do contrato”, explicou a chefe.

Para estabelecer o contrato, os usuários devem apresentar original e a cópia de RG, CPF, termo de recebimento do imóvel emitido pela Caixa Econômica (Macapaba II) ou do Banco do Brasil (Jardim Açucena) e documento de vistoria para ligação de unidade consumidora, emitida pela Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA).

O atendimento para o contrato é feito no escritório central da Caesa, na Avenida Ernestino Borges, no Centro de Macapá – e, também, nos guichês da companhia na Rede Super Fácil, de 8h às 18h.