Censo Escolar no Amapá

0
3
Foto: Erich Macias
Dados sobre aprovação, reprovação, abandono escolar e transferência do estudante devem ser informados no Censo Escolar

Diretores e responsáveis pelas escolas ou pelo sistema online Educacenso têm até 16 de março para lançar os dados da segunda etapa do Censo Escolar 2017. Neste módulo, é preciso apresentar informações sobre a ‘Situação do aluno’, como aprovação, reprovação, abandono escolar ou transferência. Os dados deverão ser cadastrados no site educacenso.inep.gov.br.

Essas informações são utilizadas para o cálculo das taxas de aprovação e abandono escolar, que dão base para implementação de políticas públicas e para o conhecimento da realidade escolar. No Amapá, das 387 escolas estaduais, apenas 161 completaram até agora a segunda etapa do Censo Escolar.

As escolas que não concluírem o ano letivo até 16 de março de 2018 devem procurar o Centro de Pesquisas Educacionais (Cepe) da Secretaria de Estado da Educação (Seed), em horário comercial, para buscar mais informações quanto ao procedimento. A divulgação dos resultados dessa etapa está prevista para o dia 3 de abril. A partir desta data, as escolas terão um prazo de 15 dias para conferência e correção das informações, caso seja necessário.

A ausência do cadastro da escola também inviabiliza avaliações nacionais e internacionais, participação em programas como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Mais Educação. As informações do Censo são usadas para o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), indicador de referência para as metas do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE).

 

O Censo Escolar é um levantamento de dados estatístico-educacionais de âmbito nacional, realizado todos os anos. Coordenado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), é produzido com a colaboração das secretarias estaduais e municipais de educação e com a participação de todas as escolas públicas e particulares do país

Artigo anteriorNossa homenagem a mulher guerreira
Próximo artigoSOS: Terras caídas
Avatar
No momento em que a mídia tradicional está desacreditada e o jornalismo convencional enfrenta uma crise ética nunca vista, o Correio Amapaense apresenta sua revista eletrônica que promete fazer a diferença no quesito informação. Trata-se de nós, Correio Amapaense, cujo objetivo é discutir de forma crítica os problemas do nosso Estado, Cidade e País.

Deixar uma resposta

Por favor, inscreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui