Definidas estratégias de segurança para transporte público da capital  

0
17

 

Durante reunião realizada na manhã desta quarta-feira, 14, entre Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), Secretaria da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Amapá (Sincotrap), Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amapá (Setap), Guarda Civil Municipal de Macapá (GCMM), Polícia Civil e representantes dos sindicatos de Taxistas e de Mototaxistas, de moradores do bairro Zerão e de vários batalhões da Polícia Militar, foram discutidas medidas de combate aos crimes praticados nos transportes públicos que prestam serviços na capital.

 

De acordo com o diretor-presidente da CTMac, André Lima, as fiscalizações de transporte irregular se tornaram um grande problema de segurança pública, sendo necessário o apoio da Polícia Militar nas operações, que, atualmente, são feitas por agentes da Companhia e Guarda Municipal. “Estamos agindo isoladamente. Nossos agentes são ameaçados, clandestinos andam armados, transportam drogas, jogam as motos para cima dos agentes e, no caso dos ônibus, tem locais onde os motoristas nem têm mais coragem de trafegar, são taxistas ameaçados, baleados e ainda tem o caso do motorista que foi assassinado. Precisamos trabalhar em conjunto com a segurança pública, somente de forma integrada, com todas as forças, é que iremos vencer essa guerra”, afirmou.

 

A Polícia Militar garantiu que irá adotar ações conjuntas, terá maior participação nas operações contra o transporte irregular e policiamento nas áreas que apresentam maior risco de assaltos aos ônibus. Representantes dos sindicatos solicitaram ao Setap a instalação de câmeras em todos os ônibus que circulam na capital. “Somente com as câmeras é que os bandidos ficarão inibidos de praticar assaltos, pois poderão ser identificados”, disse o representante dos moradores do bairro Zerão, Natanael Almeida.

 

Ficou definido que a Polícia Militar fará a Operação Ônibus Seguro com mais frequência e, simultaneamente, em toda cidade com datas e horários determinados. O planejamento das ações será traçado pela Segurança Pública nesta segunda-feira, 19. Ainda na próxima semana será feita uma reunião na CTMac com a Polícia Militar para definir as operações conjuntas que serão implementadas. O Setap ficou responsável pela instalação de câmeras dentro dos ônibus.

 

De acordo com informações do Comando Geral da Polícia Militar, de janeiro a outubro de 2017 foram registrados 34 assaltos a ônibus. Já no mesmo período de 2018 até o dia 14 de novembro, foram 94 assaltos, representando um aumento de 176,47% no número de assaltos.

 

 

Patricia Leal


Warning: require(/home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-content/plugins/td-standard-pack/Newspaper): failed to open stream: No such file or directory in /home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-includes/comment-template.php on line 1532

Fatal error: require(): Failed opening required '/home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-content/plugins/td-standard-pack/Newspaper/' (include_path='.:/usr/share/pear7:/usr/share/php7') in /home/storage/d/5f/28/correioamapaense4/public_html/wp-includes/comment-template.php on line 1532
Erro › WordPress

Há um erro crítico no seu site.

Aprenda mais sobre depuração no WordPress.