EM TARTARUGALZINHO, POLÍCIA CIVIL PRENDE PROPRIETÁRIO DE AÇOUGUE POR INTEGRAR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA, RECEPTAÇÃO DE ANIMAL E LAVAGEM DE DINHEIRO

0
3
 
Neste sábado, 15, a Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da Delegacia de Polícia de Tartarugalzinho, prendeu, em flagrante, um homem de 34 anos de idade, por receptação de animal, lavagem de dinheiro e integrar organização criminosa.
 
A prisão aconteceu a partir de denúncia anônima onde um vídeo exibia diversos gados abatidos em partes, numa casa abandonada na região do Lago Novo, Fazenda Santa Lúzia, em um local conhecido como Tapada. Além disso, houve denúncia do furto de 4 (quatro) búfalos, os quais teriam tido suas carnes comercializadas nos açougues de Tartarugalzinho.
 
Diante as denúncias, de imediato, os policiais civis foram até a localidade, onde encontraram apenas vestígios de gado abatido, como orelhas, pernas, vísceras; não sendo localizadas as partes comercializáveis dos animais. Próximo ao local foi encontrada uma motocicleta – HONDA/CG 150 TITAN KS, que foi utilizada para o transporte dos infratores.
 
No dia seguinte, os policiais civis se deslocaram, juntamente com o representante da Diagro, até um açougue localizado no Centro do município (que, inclusive, já tinha sido alvo de fiscalização anterior) e o proprietário confessou a origem ilícita das carnes ali expostas à venda. No local foram apreendidos: a carne exposta, valores em espécie oriundos da venda do produto e uma balança de medição sem lacre do Inmetro, possivelmente adulterada.
 
O proprietário do açougue foi conduzido à Delegacia de Polícia para ser interrogado, onde confessou o crime de receptação bem como a participação de uma organização criminosa ampla que pratica o abate, distribuição e venda do produto furtado.
 
O proprietário do açougue foi preso em flagrante e está à disposição da justiça.

Deixar uma resposta

Por favor, inscreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui