Escola de gestão compartilhada militar estimula o desempenho cognitivo com ação de saúde – Correio Amapaense

Escola de gestão compartilhada militar estimula o desempenho cognitivo com ação de saúde

Pela segunda vez, Escola Risalva do Amaral oferece a estudantes, pais e profissionais consultas, atendimento clínico e palestras sobre cuidados com a saúde.

 Foto: Maksuel Martins/Secom
Atendimentos ocorreram na própria escola, neste sábado, 19, no bairro Pantanal, em Macapá

Os estudantes da Escola Estadual Professora Risalva Freitas do Amaral, que funciona em gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado da Educação (Seed) e Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP), no bairro Pantanal, Zona Norte de Macapá, tiveram uma ‘aula’ diferente neste sábado, 19. Eles, e toda a comunidade escolar, participaram da segunda edição da Ação de Saúde & Cidadania com atendimentos clínicos através de consultas médicas e orientações de cuidado com a saúde.

Os atendimentos ocorreram pela manhã na própria unidade de ensino. Foram oferecidos testes de glicemia, vacinação, aferição de pressão arterial, peso, estatura, avaliação bucal (com entrega de kits de higiene), além de palestras educativas, orientações e demonstrações de Atendimento Pré-Hospitalar (APH) e defesa civil.

Os serviços e atendimentos foram prestados por profissionais do Centro de Saúde do Corpo de Bombeiros Militar, equipe Estratégia Saúde da Família e demais parceiros. A ação social contou, ainda, com o apoio da Polícia Militar do Amapá (PM/AP) e o trabalho voluntário de acadêmicos de uma faculdade particular.

A estudante do 7º ano do ensino fundamental, Ísis Macedo, 11 anos, participou do projeto pela segunda vez. Ela aproveitou a oportunidade para se consultar com o pediatra. “Eu gosto muito de estudar aqui e fico feliz da minha escola se preocupar com a nossa saúde e não apenas em ensinar o que é de sua obrigação”, aprovou.

A autônoma Maria Nilda Saraiva, 37 anos, é mãe de dois estudantes da escola Risalva e os acompanhou durante os atendimentos. “Acho muito importante ações como essa, porque facilita o nosso acesso aos serviços de saúde e nos incentiva a cuidarmos um do outro. A escola está de parabéns”, elogiou.

A Ação de Saúde & Cidadania foi idealizada pelo Núcleo de Apoio Psicossocial (Naps) da instituição de ensino e, surgiu após a observação do corpo docente do colégio, sobre as necessidades da comunidade escolar. “Sabemos que investir na saúde dentro do âmbito escolar contribui para que os alunos tenham melhor desempenho cognitivo e, estender isso às famílias, também é fundamental”, concluiu a chefe do Naps, tenente BM Deyse Quintas.

GALERIA DE FOTOS
 Créditos:Maksuel Martins/Secom

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION