Estudantes terão espaços próprios para guardar materiais escolares e pertences pessoais nas unidades de ensino de tempo integral. – Correio Amapaense

Estudantes terão espaços próprios para guardar materiais escolares e pertences pessoais nas unidades de ensino de tempo integral.

Nesta semana, o Governo do Estado do Amapá começou a entregar os armários escolares para as Escolas do Novo Saber.

As escolas Tiradentes, Raimunda Virgolino e José Firmo do Nascimento, localizadas na capital, foram as primeiras a receberem os mobiliários. Na Tiradentes, foram entregues 24 armários modulares. A Escola José Firmo recebeu nove módulos e, para a Escola Raimundo Virgolino, foram disponibilizadas 15 armários. Cada armário modulado possui 16 compartimentos, revestidos em aço.

A entrega de armários será proporcional ao número de alunos que estudam na modalidade de ensino integral. A Secretaria de Estado da Educação (Seed) fez a aquisição de 200 armários modulares para serem distribuídos nas unidades escolares estaduais, priorizando as Escolas do Novo Saber. O investimento é de R$ 175 mil, do Tesouro Estadual.

De acordo com o gerente especialista em infraestrutura das Escolas em Tempo Integral, Hendrew Santiago, nas próximas semanas, mais armários serão entregues às demais Escolas do Novo Saber. “Assim que recebermos os armários, iremos encaminhá-los às unidades escolares. Somente esta semana, conseguimos disponibilizar 48 armários modulares, que vão ajudar vários estudantes, proporcionando conforto e bem-estar”, comentou Hendrew.

Para o estudante Raick Sousa, que cursa o 2ª ano na Escola Tiradentes, a chegada desse material era bastante aguardada por todos os alunos que passam o dia inteiro no estabelecimento de ensino. “Estávamos aguardando muito esses armários, pois temos nove aulas por dia, e trazemos de casa vários materiais, carregando excesso de peso na mochila. Agora, vai facilitar bastante, pois temos um espaço para guardar nossas coisas”, considerou Sousa.

Escolas do Novo Saber

Em 2018, a rede estadual oferta o ensino médio integral a 2 mil estudantes, sendo 1.155 novos alunos na primeira série e 1.171 iniciando a segunda série e que já integravam as Escolas do Novo Saber, no ano passado, quando o modelo foi implantado. O horário de aula é das 7h30 às 17h, com direito a três refeições na escola.

No Amapá, a metodologia é aplicada no Colégio Amapaense, nas escolas estaduais José Firmo do Nascimento, Maria do Carmo Viana dos Anjos, Raimunda Virgolino e Tiradentes, em Macapá; e Alberto Santos Dumont, Augusto Antunes e Elizabeth Picanço Esteves, em Santana.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION