Festa junina anima idosos no Abrigo São José – Correio Amapaense

Festa junina anima idosos no Abrigo São José

Programação prossegue durante o mês de junho com atividades de bingo, jogos, cortes de cabelo, sessões de beleza e outras ações promovidas por voluntários.

 

 Foto: Irineu Ribeiro / Secom
Aos 69 anos, Brasiliana Lacerda não perde uma festa junina realizada no Abrigo São José

Para celebrar o início dos festejos juninos, o Abrigo São José, órgão vinculado à Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (Sims), promoveu na sexta-feira, 15, uma festa junina para os 58 idosos que moram no local. Música ao vivo, danças, comidas típicas e a tradicional quadrilha animaram a noite dos abrigados.

Brasiliana Lacerda, 69 anos, está acolhida há mais de duas décadas. Ela chegou até o local com a mãe e ainda constituiu casamento. “Eu cheguei aqui e receberam eu e minha mãe e ainda arrumei um marido. Hoje os dois já partiram, mas eu continuo com a alegria de viver”, afirma. Sobre os festejos, ela é decidida. “Eu gosto mais da festa junina do que do carnaval”, revela.

O espaço também foi preparado para receber parentes, colaboradores e voluntários. Maria Guedes, 70 anos, foi convidada a desfilar como miss da quadrilha junina. A senhora faz parte de um grupo da terceira idade, do Projeto Minha Gente, em Macapá. “Sou casada, mãe de seis filhos e não me imagino sem minha família, por isso, como ato de solidariedade, participo todos os anos da festa aqui no abrigo, trazendo amor, carinho e alegria”, enfatiza a aposentada.

Para a diretora do abrigo, Marlete Ferreira, a programação no lar dos idosos funciona como um escape para a solidão. O ambiente é aberto para grupos religiosos, escolas e instituições de ensino particulares. Neste mês de junho, por exemplo, a programação é o mês todo com atividades como jogos, bingos, corte de cabelo, sessão de beleza e outras ações promovidas pelos parceiros da instituição, intitulada “tarde alegre”.

“Este mês, o arraial é o ponto culminante, pois no dia 15 de junho é comemorado o Dia Nacional de Combate à Violência contra a Pessoa Idosa. Mas teremos ainda no decorrer desses quinze dias, mais ‘tardes alegres’ para nossos acolhidos, promovidas por escolas da rede estadual”, adianta a diretora.

As gestoras da Sims, Nazaré Farias, e Gleeyde Machado, adjunta de Políticas de Assistência Social, também prestigiaram a programação que atende ao calendário da secretaria. “Faz parte da política de atendimento oportunizar momentos de lazer e integração entre os idosos da unidade de atendimento e a sociedade. A secretaria custeia os principais gastos, mas também contamos com muitos voluntários que tornam esse ambiente cada vez mais agradável e receptivo aos nossos idosos”, afirma Nazaré Farias.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION