Governo do Amapá paga fatura de água para beneficiários da tarifa social – Correio Amapaense

Governo do Amapá paga fatura de água para beneficiários da tarifa social

São 16 mil famílias de baixa renda contempladas enquanto durar a quarentena, que é a principal medida de prevenção a Covid-19.

 Foto: Camila Ramos
Fatura com vencimento em abril já foi quitada pelo governo e será entregue nas residências com o aviso de saldo.

O Governo do Amapá já efetuou o pagamento das faturas de água com vencimento em abril, de 16 mil residências de famílias beneficiadas pela Tarifa Social. Este público-alvo receberá o aviso de saldo.

Durante a quarentena, principal medida de prevenção a Covid-19, as contas serão pagas pelo Estado como parte do pacote de providências sociais para amparar a população carente enquanto estiver em vigor o status de calamidade em saúde.

“Isso é um alívio para a nossa família, pois vivo da venda de lanches nas ruas, e infelizmente está sendo impossível trabalhar nesse período”, afirma a autônoma Simone Ferreira, moradora do Conjunto Hospital de Base.

De acordo com o governador do Amapá, Waldez Góes, o desembolso do Estado para garantir o benefício das 16 mil residências para é de R$ 362 mil, valor fixo que será disponibilizado por mês.

Além disso, o chefe do Executivo estadual destaca que o governo assumiu o pagamento das contas para não prejudicar a arrecadação da Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa).

“Não podemos deixar de dar suporte a essas pessoas. Por isso o nosso compromisso é pagar a tarifa de água dos mais pobres enquanto durar a quarentena”, explicou o governador Waldez Góes.

A Tarifa Social atende usuários residenciais de baixo renda com consumo estimado de até 20 m³ de água. O perfil dos beneficiários é de famílias que apresentam registro no CadÚnico, aposentados e pensionistas com doenças crônicas.

Pacote de medidas

O pagamento da fatura de água faz parte do pacote de medidas sociais, adotadas pelo Governo do Amapá, para esse período de reclusão por conta da pandemia, que garante, ao todo, mais de R$ 12 milhões sendo investidos.

  • Pagamento de auxílio financeiro no valor de R$ 240 para 21 mil famílias que não recebem nenhum benefício social – Bolsa Família ou Renda Para Viver Melhor –, mas que estão na lista de espera do Cadastro Único (CadÚnico);
  • Pagamento da conta de água para 16 mil famílias na Tarifa Social;
  • Entrega de kit de merenda escolar para 120 mil estudantes da rede estadual.

Por: Camila Ramos

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION