Hospital da Mulher Mãe Luzia implementa Método Canguru para diminuir mortalidade neonatal – Correio Amapaense

Hospital da Mulher Mãe Luzia implementa Método Canguru para diminuir mortalidade neonatal

Unidade possui uma enfermaria específica para a prática do método e tem buscado junto ao Ministério da Saúde a certificação como centro estadual do método.

 

 Foto: André Rodrigues
Método é uma abordagem humanizada e segura, que promove o contato precoce entre mãe/pai e o bebê

O Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML) recebeu durante os dias 20 e 21 a visita técnica de uma equipe de consultoras do Ministério da Saúde (MS) para orientar a equipe de servidores a respeito das boas práticas relativas ao Método Canguru e ao cuidado neonatal de bebês prematuros ou que nasceram abaixo do peso.

O Método Canguru é uma abordagem humanizada e segura, onde é promovido o contato pele a pele (posição canguru) precoce entre mãe/pai e o bebê, de forma gradual e progressiva, favorecendo vínculo afetivo, estabilidade térmica, estímulo à amamentação e o desenvolvimento da criança.

Existe comprovação científica que o método canguru diminui o tempo de internação da criança na unidade hospitalar e as chances de infecção hospitalar além de contribui para o controle e alívio da dor do bebê.

O HMML possui uma enfermaria específica para a prática do método e tem buscado junto ao MS a certificação como centro estadual do método. “Viemos ajudar a equipe e trocar experiências para ver no que podemos avançar em relação ao método canguru para que futuramente essa certificação se concretize”, explicou a neonatologista e consultora do Ministério da Saúde, Patrícia Marques.

O HMML é, atualmente, a referência pública em atendimento neonatal e tem garantido grandes melhorias na assistência humanizada ao recém-nascido, que tem impacto direto com a melhoria dos índices de mortalidade. A unidade está dentro das estimativas do MS e também está inclusa na Rede Cegonha, que dispõe de estratégias que buscam enaltecer a assistência, além de ser detentor do selo “Hospital Amigo da Criança”, com reconhecimento nacional.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION