Idosa de 101 anos se cura da Covid-19 no Maranhão

0
3

Diagnóstico precoce foi decisivo para a rápida recuperação, segundo médica

 

JULYANE GALVÃO/SECRETARIA DE SAÚDE DO MARANHÃO (SES)
Uma idosa de 101 anos do Maranhão se tornou um caso de esperança depois de receber alta médica após vencer a Covid-19 em São Luís. Regina Coelho Guiné foi diagnosticada com a doença ao apresentar febre e indisposição. De acordo com a equipe médica, o laudo precoce contribuiu para a recuperação dela.

“Estou quase vencendo. Já ando sozinha, almoço bem, até converso com os amigos que vêm me visitar”, disse Regina.

Os primeiros sintomas relacionados à infecção pelo novo coronavírus foram notados pelo filho de Regina, Antônio Coelho, em meados de julho. “Percebi que ela estava febril e um pouco indisposta”, disse.

As informações de que pessoas idosas têm maior risco de ficarem gravemente doentes preocuparam a família de Regina. Além da idade avançada, ela passou recentemente por uma cirurgia no fêmur.

Ela foi levada para o Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO) – mesmo lugar onde passou pela operação ortopédica – para realizar o teste da Covid-19. “Como ela faz acompanhamento no HTO por conta da cirurgia, contatei a médica que a atende para que uma consulta fosse realizada. Foi então que realizaram alguns exames e foi confirmado o diagnóstico para coronavírus”, disse Antônio.

Com uma boa resposta ao tratamento, ela recebeu alta do hospital e agora é acompanhada diariamente por uma equipe médica via telemedicina. As informações foram divulgadas pelo governo do estado que, no entanto, não detalhou quanto tempo e em que período ela permaneceu internada.

A médica clínica e intensivista do HTO Francisca de Araújo ressalta que a vigilância aos sintomas precisa ser constante entre os idosos. “O fator decisivo para a melhora da dona Regina foi o diagnóstico precoce, pois o idoso reage de formas diferente”, disse. (Com informações da Agência de Notícias Maranhão de Todos Nós)