Ipem/AP reprova eletrodomésticos durante operação Copa do Mundo

0
2
Refrigeradores, churrasqueiras e fogões foram alguns dos equipamentos encontrados pelo Ipem sem certificado de avaliação de conformidade com o Inmetro.

 

 Foto: Ipem/AP
Ipem atua especialmente na operação Copa do Mundo

A operação Copa do Mundo, realizada pelo Instituto de Pesos e Medidas do Amapá (Ipem/AP), durante a semana passada fiscalizou 420 produtos entre eletrodomésticos e eletrônicos em 18 estabelecimentos comerciais de Macapá e Santana. Desses locais, quatro foram notificados por comercializar produtos que não apresentavam o certificado de avaliação de conformidade com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Segundo o gerente do Núcleo de Gestão de Qualidade do Ipem/AP, Simon Silva, a certificação do Inmetro é garantia de que o produto passou por avaliação e foi aprovado. Ele informou que refrigeradores, churrasqueiras e fogões elétricos foram alguns dos objetos que não apresentaram a certificação, o que coloca em dúvida a qualidade do produto.

Os estabelecimentos comerciais com produtos sob dúvida foram notificados e têm prazo de dez dias para apresentar as notas fiscais dos fabricantes. Eles também foram autuados por estar comercializando produtos irregulares.

“Tanto quem fabrica, como quem comercializa o produto sem a certificação, é autuado e pode sofrer uma advertência ou multas que vai de quinhentos até um milhão e meio de reais”, explicou Simon.

O gerente acrescentou que o Inmetro tem como objetivo criar meios para que as empresas nacionais possam padronizar seus produtos, aumentar a produtividade e melhorar a qualidade do que comercializa. “Dessa forma, tudo o que você compra e que possui a certificação do Inmetro é um produto que merece confiança, que tem a garantia de que segue os regulamentos e a legislação que oferece a segurança no seu uso”, concluiu Simon Silva.

Deixar uma resposta

Por favor, inscreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui