Kits de ajuda humanitária aos afetados por cheia no Jari são organizados em balsa

0
18
Compostos por cestas básicas, produtos de limpeza e higiene pessoal, colchões, além de água mineral, kits serão encaminhados neste fim de semana ao município.

 Foto: Defesa Civil
Kits estão sendo organizados pela Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil

O Governo do Estado do Amapá deve enviar, neste fim de semana, para o município de Laranjal do Jarí, os kits de ajuda humanitária encaminhados pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério da Integração Nacional, que chegaram esta semana à capital. Os donativos serão encaminhados às famílias afetadas pela cheia do Rio Jari.

Os primeiros kits são compostos por 1.955 cestas básicas, 1.955 kits de limpezas, 1.955 kits de higiene pessoal, 360 kits infantil, 165 kits de idoso e 2.094 colchões. Eles estão sendo organizados pela Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (Cedec), para o embarque na balsa que levará os produtos para o município, pelo Rio Matapi.

Na tarde desta quinta-feira, 17, devem chegar mais de 117 mil litros de água mineral (são 23.480 unidades de 5 litros). Na manhã de sexta-feira, 18, será a vez dos 2.094 kits dormitórios. A solicitação dos donativos foi feita ao governo federal pelo Governo do Amapá, no dia 16 de abril, depois de decretada a situação de emergência em Laranjal do Jarí.

De acordo com a tenente Meiry Lima, da Cedec, o embarque dos kits iniciou-se na tarde de quarta-feira, 16. Ela ressaltou que, nesta quinta-feira, os bombeiros terão o apoio operacional de militares do Exército no transporte dos kits, do Comando-Geral da corporação até à balsa no Rio Matapi. “Se tudo ocorrer dentro do planejado, a embarcação deverá seguir para Laranjal do Jari no fim de semana”, informou.

Mais de 2 mil famílias afetadas pelas inundações e que foram cadastradas pelas assistentes sociais do município e do Estado, em abril, deverão receber a ajuda humanitária nos próximos dias.

Monitoramento

Mais de 8 mil pessoas e 3.711 imóveis foram afetados pela elevação do nível do Rio Jari que, na manhã desta quinta-feira, atingiu 2,76 metros. As águas continuam avançando sobre a cidade e já atingem  dez dos 13 bairros do município.

A situação obrigou 77 famílias, totalizando 344 pessoas, a procurarem um dos três abrigos montados para atender as vítimas. Outras 167 famílias (747 pessoas) estão desalojadas, ou seja, tiveram que deixar suas residências e estão em casas de parentes, amigos ou em imóveis alugados.

As águas atingiram, ainda, quatro escolas municipais e três estaduais, que precisaram suspender as aulas, uma unidade de saúde municipal e o Centro de Referência em Atendimento à Mulher (Cram).

As equipes da força-tarefa do Estado continuam atendendo os afetados com visitas e o cadastro de famílias. A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) já distribuiu mais de 124 mil litros de água potável aos atingidos.

GALERIA DE FOTOS
 Créditos:Defesa Civil e Maksuel Martins/Secom