Nota de Esclarecimento – Renúncia Miss Amapá – Correio Amapaense

Nota de Esclarecimento – Renúncia Miss Amapá

 

A Coordenação do Concurso Miss Amapá Oficial 2018 vem a público esclarecer os reais motivos que levaram a Miss Amapá Oficial 2018 Williene Lima a renunciar sua faixa.

Divulgação

A coordenação, reconhecendo a legitimidade da candidata eleita e acreditando em seu potencial para representar com maestria nosso Estado no Miss Brasil Oficial 2018, deu a ela todo apoio, lamentou, mas respeitou sua decisão. Afinal, não podíamos priorizar o concurso e esquecer a saúde da nossa Miss Amapá. Williene Lima foi submetida a procedimentos cirúrgicos oftalmológicos e, segundo os médicos, não haverá tempo para sua recuperação sem comprometer a agenda do concurso, atingindo diretamente sua saúde, sendo vetado inclusive atividades físicas .

Com isso, definitivamente, estamos procurando de uma vez por todas estabelecer a verdade a respeito desse fato doloroso, porém necessário, para garantir a saúde de nossa miss eleita, que sempre será prioridade para esta coordenação.

Aproveitamos para repudiar veementemente toda e qualquer achincalhe sofrido pela nossa jovem Miss que teve como pano de fundo uma entrevista concedida em um veículo de comunicação. É inadmissível que um equívoco que todos podemos cometer possa manchar a biografia de uma pessoa, seja ela quem for e o posto que ocupe. Somos seres em evolução e aprendemos todos os dias. Não aceitaremos nenhum tipo de preconceito, principalmente em um momento que todas as mulheres lutam para terem seus direitos garantidos e suas histórias valorizadas. Entrar nesse tipo de “onda” virtual é assumir seu próprio egoísmo, mesquinhez e falta de generosidade humana.

A solidariedade e a hospitalidade norteiam a essência do nosso povo e assim deve continuar principalmente com uma filha da terra que tanto orgulha seus familiares e amigos . Consideramos os ataques contra a Miss Amapá uma falta de respeito com ela e com a coordenação do concurso. Jamais iremos deixa-la ser injustiçada. É necessário defendermos os direitos das mulheres. Temos voz e vez! A classe de mulheres que se dedicam a concursos de beleza, como o Miss Amapá, merece ser respeitada! Somos profissionais também.

Por fim, esclarecemos que a segunda colocada no júri técnico, Emilay Campos, que vai substituí-la no concurso em nível nacional, também se solidariza a Williene Lima. Não podemos nunca esquecer da nossa nova Miss Amapá 2018, que honrosamente sempre ostentará esse título.

Enyellen Sales
Coordenadora do Miss Amapá Oficial.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION