POLÍCIA CIVIL IDENTIFICA E PRENDE HOMEM QUE EFETUAVA FURTOS A ORGÃO PÚBLICO EM MACAPÁ – Correio Amapaense

POLÍCIA CIVIL IDENTIFICA E PRENDE HOMEM QUE EFETUAVA FURTOS A ORGÃO PÚBLICO EM MACAPÁ

POLÍCIA CIVIL IDENTIFICA E PRENDE HOMEM QUE EFETUAVA FURTOS A ORGÃO PÚBLICO EM MACAP

A Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da 6ª Delegacia de Polícia da capital, indiciou na data de hoje um homem de 38 anos de idade pelo crime de furto qualificado e pelo crime de falsa identidade.
Na oportunidade, também foi indiciado um homem de 31 anos de idade pelo crime de receptação.
Conforme se apurou nas investigações, nos dias 07, 08 e 09 do mês de Maio de 2020, um homem pulou um muro de um órgão público estadual e subtraiu do local vários condensadores de ar condicionado, bombas d´agua, e cabeamentos elétricos de unidades móveis que prestam serviço público à população.
Após tomar conhecimento do fato e iniciar as investigações e, em análise ao circuito externo de filmagem do local, identificou-se uma pessoa como sendo a principal suspeita do ato.
Intimado a comparecer na unidade policial, o suspeito informou um nome falso com o intuito de não ser identificado e não trazer ao conhecimento dos policiais civis de que ele já possuía um mandado de prisão preventiva pela 1ª Vara Criminal da comarca de Macapá.
Mediante consulta no sistema de identificação do Estado do Maranhão, policiais civis, com o apoio da POLITEC-AP, descobriram a real identidade do suspeito.
Após ser interrogado sobre os fatos e os ter confessado, o investigado foi encaminhado ao IAPEN.
Ainda em diligência de investigação, 02 (dois) equipamentos subtraídos pelo suspeito foram apreendidos e recuperados na posse de uma terceira pessoa que foi autuada pelo crime de receptação.
Segundo o Delegado de Polícia Leandro Vieira Leite, que presidiu o Inquérito Policial, “a identificação do suspeito foi importante para que ele pudesse responder também a outra ação penal já em curso na 1ª Vara Criminal e graças ao esforço dos policiais civis nessa investigação parte dos objetos subtraídos foram recuperados”.

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION