POLÍCIA CIVIL PRENDE AGENTE PENITENCIÁRIO ACUSADO DE HOMICÍDIO – Correio Amapaense

POLÍCIA CIVIL PRENDE AGENTE PENITENCIÁRIO ACUSADO DE HOMICÍDIO

POLÍCIA CIVIL PRENDE AGENTE PENITENCIÁRIO ACUSADO DE HOMICÍDIO
O crime ocorreu no estacionamento do Parque do Forte, no dia 23 deste mês.
  •  

    Na tarde deste sábado, 29, a Polícia Civil do Amapá, através da Delegacia de Homicídios, prendeu o agente penitenciário Anderson Luiz Dias da Silva, dando cumprimento ao mandado de prisão temporária por trinta dias, expedido pelo Poder Judiciário. O investigado foi o autor do homicídio praticado contra a vítima Marcelo Brito da Silva, na manhã do dia 23/12/2018, por volta de 01h30min, no estacionamento do Parque do Forte, Lugar Bonito, Orla desta cidade.

    De acordo com o Delegado Wellington Ferraz, Titular da Delegacia de Homicídios, o crime ocorreu após uma discussão no trânsito entre a vítima e o agente penitenciário. Por quase ter sido atropelada, a vítima reclamou com o autor do crime, que, por sua vez, se aproximou e efetuou três disparos, tendo um dos projéteis atingido a vítima fatalmente na região do abdômen. Após os disparos, o agente penitenciário fugiu do local do crime. A vítima foi socorrida, mas não resistiu e veio a óbito no Hospital de Emergência.

    Várias testemunhas foram ouvidas e detalharam como tudo ocorreu. O próprio investigado confessou a autoria do crime e apresentou a arma utilizada para a prática delitiva.

    O agente penitenciário foi indiciado por Homicídio Qualificado por Motivo Fútil e pela Impossibilidade de Defesa da Vítima. Uma equipe de agentes da Homicídios recambiaram o autor do crime ao IAPEN.

    Uma imagem da dinâmica do crime, feita pela equipe de investigadores da DECIPE, mostra como tudo ocorreu, veja abaixo

About the author

Related