Procon flagra dois estabelecimentos de Macapá comercializando produtos fora do prazo de validade

0
92
Mais de 400 itens foram retirados das prateleiras. Empresários têm 10 dias para apresentar defesa no instituto.
Por: Lourenna Carvalho

 

 Foto: Ascom/Procon
A ação aconteceu no bairro Pedrinhas, na Zona Sul da capital.

Nos dias 24 e 25 de setembro cinco estabelecimentos foram fiscalizados e dois foram autuados pelo Instituto de Defesa do Consumidor do Amapá (Procon) por comercializarem produtos fora do prazo de validade. A ação faz parte da programação de atendimento a queixas de consumidores de Macapá.

A ação aconteceu no bairro Pedrinhas, na Zona Sul da capital, e contabilizou mais de 400 produtos retirados das prateleiras, como trigo, biscoitos, massas e embutidos. Todos os itens foram descartados no aterro sanitário que atende Macapá.

“A fiscalização irá continuar no atendimento às demandas dos bairros de Macapá, que por estarem mais distantes, os consumidores ficam mais vulneráveis a essa prática de violação que coloca em risco a vida e a saúde dos cidadãos”, disse a chefe de fiscalização Lana Silva.

Os estabelecimentos autuados têm 10 dias para apresentar defesa ao Procon.

Como denunciar?

Caso o consumidor sinta-se lesado ou identifique aumento exorbitante de preço, denúncias podem ser registradas através do número 151 ou nas redes sociais do instituto.