Semasc realiza atualização cadastral das famílias que residem no Monte das Oliveiras

0
20

A Prefeitura Municipal de Santana, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semasc), realizou a atualização cadastral das famílias que residem no bairro Monte da Oliveiras, obedecendo a determinação da Justiça Federal.


De acordo com a secretária de Assistência Social, Diana Castelo, são cerca de 447 residências que estão sendo visitadas para saber quais famílias realmente residem e necessitam da moradia no local.

Foto: Márcia Facundes

A Prefeitura Municipal de Santana, através da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semasc), realizou a atualização cadastral das famílias que residem no bairro Monte da Oliveiras, obedecendo a determinação da Justiça Federal e cumprindo exigência do processo de transferência das terras, onde o bairro está localizado e que pertencem à União, para o município de Santana.

Ao todo são 16,7 hectares, incluindo áreas de preservação permanentes (APP), sendo 13 hectares de área habitada.

Caso seja feita a doação, a Prefeitura entrará com um chamamento público para escolher uma empresa, com a finalidade de construir um projeto habitacional.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Diana Castelo, são cerca de 447 residências que estão sendo visitadas para saber quais famílias realmente residem e necessitam da moradia no local. “Estamos passando de casa em casa para fazer a atualização do estudo socioeconômico dessas pessoas”, frisou.

A ação conta com o apoio de estagiários do sétimo semestre do curso de Assistência Social da Universidade Paulista (Unip).

O presidente da Associação de Moradores, Efraim Costa, destacou que o estudo é um passo muito importante para que as terras sejam repassadas para o município e para que sejam realizadas melhorias no local, a fim de garantir o direito de moradia das pessoas.