SUSPEITO DE PRÁTICA DE ANTISSEMITISMO NA INTERNET É INDICIADO PELA POLÍCIA CIVIL

0
6

 

A Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da 6ª Delegacia de Polícia Civil da capital, indiciou na data de hoje (29/05) um homem de 46 anos de idade pelo crime de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, previsto no artigo 20 da Lei Federal nº 7.716 de 05 de Janeiro de 1989.

Segundo foi apurado nas investigações, o usuário de um perfil vinculado a um site de relacionamento da internet teria publicado no dia 15 de Maio de 2020 palavras ofensivas à etnia judia, reputando a eles conotações de avareza, perversidade e egoísmo.

A notícia da postagem preconceituosa chegou ao conhecimento da Polícia Civil do Estado do Amapá que de imediato adotou medidas de investigação e identificação do suspeito da postagem.

Segundo o Delegado de Polícia Leandro Vieira Leite, “tal ato de preconceito, hostilidade e descriminação não deve ser tolerado em nossa sociedade e velaremos para coibir essa prática aqui no Amapá”.

A Lei Federal nº 7.716 de 05 de Janeiro de 1989 prevê como circunstância majorante o fato de ser cometido por intermédio dos meios de comunicação social ou publicação de facilite a divulgação.

A pena para o crime de discriminação ou preconceito étnico é de reclusão de 02 (dois) a 05 (cinco) anos e multa.

secom PC-AP