Torcida invade São Januário durante treino do Vasco, Tiros foram ouvidos, e houve correria entre torcedores e funcionários.

0
27

Torcida invadiu o treino do Vasco em São Januário
Torcida invadiu o treino do Vasco em São Januário Foto: Reprodução / Twitter @Expresso_1898
Bruno Marinho

A crise instalada no Vasco teve novo episódio nesta sexta-feira, quando cerca de 40 torcedores invadiram o treino do time em São Januário, atrasando o início das atividades comandadas por Zé Ricardo. O Cruz-maltino realiza nesta manhã o último treino antes do jogo de sábado, contra o América-MG, na Colina. O Twitter do perfil @Expresso_1898 publicou uma imagem dos torcedores no gramado do estádio.

Ver imagem no Twitter

Expresso 1898@expresso_1898

ATENÇÃO! Cerca de 40 pessoas invadiram o treino do Vasco neste momento, em São Januário, para cobrar postura da equipe diante dos resultados negativos. Acesso aconteceu pela

Registro da invasão que acontece agora em São Januário, no treino do Vasco.

Segundo relatos, os torcedores invadiram São Januário pela loja oficial do clube. Eles destruíram a porta que separa a loja da área social e assim tiveram acesso ao campo de jogo e treino. No gramado, se encontraram com jogadores e comissão técnica.

A loja foi fechada. Tiros foram ouvidos dentro de São Januário. Os torcedores alegam que seguranças do clube deram tiros para dispersar os manifestantes.

Polícia em frente à sede de São Januário após confusão
Polícia em frente à sede de São Januário após confusão Foto: Bruno Marinho / Extra

Um dos principais alvos da manifestação foi o presidente do clube, Alexandre Campello. Eleito no fim de janeiro, Campello vem recebendo muitas críticas depois da campanha muito ruim do Vasco na Libertadores – o time foi eliminado a uma rodada do fim da fase de grupos. Na última quarta-feira, foi goleado pelo Cruzeiro em casa, por 4 a 0.

Após invasão, torcida permanece do lado de fora de São Januário
Após invasão, torcida permanece do lado de fora de São Januário Foto: Bruno Marinho / Extra

Bruno Marinho@bruno_marinho

Tiros foram ouvidos dentro de São Januário. Houve correria entre torcedores e funcionários. Torcida alega que tiros foram dados por segurança do Vasco.